Scarpa faz dois, revelação também marca e Palmeiras confirma ponta

  • Autor: Nova Opinião - Data 12/03/2018

Neste domingo o Palmeiras demonstrou a força de seu elenco. Mais uma vez atuando com uma equipe quase toda reserva, o Verdão venceu o Ituano por 3 a 0, com dois gols de Gustavo Scarpa, que fez seus primeiros pelo clube, e outro do garoto Fernando, também inédito. O resultado garantiu o Verdão como primeiro colocado geral do Campeonato Paulista após o final da fase de grupos do Estadual.

A torcida do Palmeiras estava apreensiva com a apresentação do time neste domingo, não pela importância de uma possível vitória, mas pelo péssimo futebol apresentado pelos reservas na derrota da última segunda-feira, frente ao São Caetano. Os nomes em campo foram parecidos, mas a atuação deste domingo não lembrou o último revés.

Roger Machado deu chance para Weverton fazer sua estreia pelo Verdão, Moisés e Papagaio começarem como titulares pela primeira vez na temporada, e ainda aproveitou Tchê Tchê e Juninho como laterais. Com a formação modificada, o Alviverde voltou a demonstrar desentrosamento, mas a garra e vontade do time em capo compensou o problema.

Antes os 20 minutos iniciais do confronto, o Palmeiras já havia finalizado três vezes, sendo duas com Bruno Henrique e outra com Guerra. A criação de jogadas, porém, ainda era prejudicada pela forte marcação exercida sobre o venezuelano, o que fazia o Alviverde insistir em levantamentos para a área através de cruzamentos laterais.

Na reta final do primeiro tempo, Roger Machado notou o problema e inverteu Dudu e Gustavo Scarpa. Pelo lado direito, o camisa 14 se tornou o principal jogador do Palmeiras em campo, sendo perigoso especialmente nas finalizações com a canhota. E foi justamente assim que o placar foi aberto.

Tchê Tchê deu belo lançamento para Guerra pela direita, o venezuelano conduziu bem a bola até a área, fez corte e esperou a chegada de Gustavo Scarpa. Quando recebeu, o camisa 14 apenas cortou para o pé esquerdo e deu um tapa no ângulo do goleiro Wagner, que só observou a jogada.

Se a vontade – não o futebol – do Palmeiras se assemelhou ao que foi apresentado no Choque-Rei de quinta-feira, contra o São Paulo, a queda de rendimento no segundo tempo também foi parecida. No entanto, mesmo em ritmo mais lento, o Palmeiras ainda ampliou a vantagem.

Palmeiras trocou passes na entrada da área do Ituano, a zaga dos mandantes tentou afastar, mas Dudu roubou a bola, que ficou com Bruno Henrique. O volante abriu na esquerda para Gustavo Scarpa, que adiantou um pouco a bola e soltou uma bomba de esquerda para fazer seu segundo gol pelo Alviverde.

Já na reta final do duelo, o garoto Papagaio foi substituído por Fernando, outra revelação das categorias de base do clube. E se o primeiro não teve oportunidades de marcar enquanto esteve em campo, o mesmo não aconteceu com o segundo.

Com apenas três minutos em campo, Juninho – que fazia uma partida apenas regular como lateral esquerdo – avançou e cruzou rasteiro para Fernando, sozinho, empurrar para o fundo das redes. Foi o primeiro tento do garoto como profissional em sua segunda partida pelo clube.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Desenvolvido por Quick
Todos os direitos reservados ao portal Nova Opinião