O Mito está de volta! Rogério Ceni é o novo técnico do São Paulo

  • Autor: Nova Opinião - Data 25/11/2016

Agora é oficial. Rogério Ceni vai assumir o comando do time do São Paulo. O acordo, que ficou bem encaminhado na noite desta quarta, foi confirmado no início da tarde desta quinta-feira por meio de um vídeo criativo produzido pelo clube. O contrato do ex-goleiro será de dois anos, um a menos do que pretendia Ceni. A apresentação ainda não tem data confirmada e Pintado comandará o Tricolor nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro.

Rogério Ceni volta ao clube onde se consagrou no gol e pelos gols marcados. O acerto acontece depois de pouco menos de um ano da aposentadoria do agora treinador, hoje com 43 anos de idade. Alguns membros da oposição enxergam a contratação como um ato político, em função da eleição presidencial marcada para abril e que Carlos Augusto de Barros e Silva é candidato, mas ninguém nega que não há como se opor ao ídolo.

As conversas com Rogério Ceni começaram no meio do ano, durante a viagem do ex-atleta à Europa para estudos já com o intuito de se preparar para assumir o comando técnico do time são-paulino. A má fase da equipe sob o comando de Ricardo Gomes apenas acelerou esse processo e a decisão para a mudança foi tomada na terça, apesar da demissão de Gomes ter sido confirmada apenas no dia seguinte.

Desde então, as reuniões e tratativas se intensificaram e um acordo ficou muito próximo de ser selado na noite desta quarta. O tempo de contrato e alguns detalhes eram os únicos empecilhos. Mas, sem maiores problemas, tudo foi acertado no início da tarde desta quinta.

E para anunciar o retorno do “Mito”, como é conhecido entre os torcedores do clube, o São Paulo produziu um vídeo institucional onde o mascote Santo Paulo usa o tradicional quadriciclo, utilizado para animar a torcida nos jogos do Morumbi, para entrar no estádio do Morumbi e se dirigir até o banco de reservas.

Lá, o mascote cola um papel com a inscrição “01”, outra marca de Ceni enquanto jogador. Em seguida, o Santo Paulo faz o mesmo na cadeira reservada para as entrevistas coletivas dos técnicos do clube. Tudo sob o som de “Hells Bells”, famoso rock da banda AC/DC. A música é mais uma referência ao eterno ídolo e costumava tocar em alto e bom volume no Cícero Pompeu de Toledo sempre que Rogério Ceni entrava em campo com a equipe tricolor.

Como jogador profissional, Rogério Ceni tem 1.237 partidas disputadas pelo São Paulo, sendo 648 vitórias, 275 empates e 314 derrotas. O goleiro está no Guinnes Book, o livro dos recordes, como o atleta que mais defendeu um mesmo clube de futebol. Foram 978 jogos vestindo a braçadeira de capitão tricolor.

O maior goleiro artilheiro da história também contabiliza 131 gols – 61 de falta, 69 de pênaltis e um com a bola em jogo. Na galeria pessoal do jogador ainda constam 18 títulos oficiais, entre os quais se destacam as Libertadores de 1993 e 2005, os Mundiais de 1993 e 2005, o Tri-Brasileiro (2006 a 2008) e a Copa Sul-americana de 2012.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Desenvolvido por Quick
Todos os direitos reservados ao portal Nova Opinião