Polícia da PB prende no Rio de Janeiro suspeitos de assassinar Vivianny

  • Autor: Nova Opinião - Data 22/11/2016

Nesta segunda-feira (21), Wellintânia Freitas revelou que não tem vontade de encontrar os criminosos que assassinaram a sua prima, Vivianny Chrisley após saírem de uma boate localizada nos Bancários. Os suspeitos, Jobson Barbosa da Silva Júnior e Fagner das Chagas Silva, foram presos na manhã de hoje, na comunidade Morro do Acari, no Rio de Janeiro.

“Não quero ficar frente a frente com eles, o encontro deles agora é com a lei. Ela era uma jovem mãe e tinha toda uma vida pela frente, nos causa um alívio saber que esses bandidos estão fora de circulação”, disse.

Wellintânia também contou que o secretário de segurança da Paraíba, Cláudio Lima, ligou para a família marcando uma reunião na casa da mãe de Vivianny para revelar a prisão dos assassinos. O secretário descreveu que a polícia paraibana contou com o apoio dos agentes cariocas para subir o morro e capturar os bandidos.

“Nossa família foi muito expostas e, de alguma maneira, nos sentíamos ameaçados. Agora nos sentimos melhor como cidadãos, mas a luta continua porque a cidade enfrenta um alto nível de violência contra as mulheres”, afirmou.

 

Fonte: Paraiba.com.br

Desenvolvido por Quick
Todos os direitos reservados ao portal Nova Opinião